Página Principal
Conhecer Tábua
Orgãos Municipais
Assembleia Municipal
Câmara Municipal
Juntas de Freguesia
Funções dos Órgãos Autárquicos
Conselhos e Comissões Municipais
Estatuto do Direito de Oposição
Provedor do Munícipe
Informação Municipal
Avisos, Editais, Informações e Consultas Públicas
Cortes, Suspensões e Alterações de Serviços
Regulamentos
Contratação Pública
Concursos Públicos
Protocolos e Contratos
Candidaturas a Fundos Comunitários
Gestão Económica e Financeira
Qualidade da Água
Sistema de Gestão da Qualidade
Contraordenações
Metrologia
Transparência Municipal
Participações do Município
Gestão de Elogios, Sugestões e Reclamações
Arquivo Documental
Áreas de Atuação
Ação Social
Ambiente
Cultura
Rede de Equipamentos
Projetos
Eventos e Iniciativas
Plano Municipal
Desporto
Rede de Equipamentos
Oferta Desportiva
Programa de Promoção de Atividade Fisica
Eventos e Iniciativas
Educação, Formação e Empreendedorismo Jovem
Apresentação
Projeto Educativo Local
Rede Escolar
Transportes
Estruturas Locais e Municipais
Projetos Socioeducativos
Ação Social Escolar
Ementas Municipais
Emprego
Feiras e Mercados
Feiras
Mercado Municipal
Juventude
Serviço Municipal de Proteção Civil
Saúde Pública
Ordenamento do Território e Urbanismo
Informação Geral
Ordenamento do Território
Urbanismo
Obras Municipais
Cemitério Municipal
Mobilidade
Espaços e Equipamentos
Paços do Concelho
Espaços Culturais
Espaços Desportivos
Espaços Industriais
Equipamentos Ambientais
Equipamentos Escolares
Equipamentos Turísticos
Recursos Humanos
Informações Gerais
Procedimentos Concursais
Procedimentos Concursais Freguesias
SIADAP
Regularização de Vínculos Precários
Comunicação
Notícias
Publicações do Município
Boletim Municipal
Inquéritos e Votações
Redes Sociais
Investir
Apoios e Incentivos
Balcão do Empreendedor
Caracterização Socioeconómica do Concelho
Empreendedorismo
Desenvolvimento Económico e Social
Balcão Virtual
Balcão Único
Espaço Cidadão
A Minha Rua
Pedidos de Informação
Elogios, Reclamações e Sugestões
Requerer Serviços
Pedido de Limpeza de Fossa
SEF
Legislação
Formulários
Multimédia
Imagens
Vídeos
Contactos e Informações
Endereços do Município
Telefones e Faxes
Contactos Úteis
Horários de Funcionamento
E-mails dos Serviços

barracontatos

Morada
Município de Tábua
Praça da República
3420-308 | Tábua

Tel.: (+351) 235 410 340
Fax.: (+351) 235 410 349
Email:geral@cm-tabua.pt
GPS: 40.3597679, -8.0278117

 

 

 

 

 

 

Monitorização Ambiental


A Monitorização Ambiental consiste na realização de medições e/ou observações específicas, dirigidas a alguns indicadores e/ou parâmetros, com a finalidade de controlar determinados impactes ambientais, podendo ser dimensionada a sua magnitude e avaliada a eficiência de eventuais medidas preventivas a adoptar.

Água de Abastecimento
A água, é um produto natural, mas deve ser tratada e vigiada de forma contínua, para que o ser humano a possa utilizar e consumir sem qualquer risco para a sua saúde.
A ÁGUAS DO PLANALTO é a Concessionária do Sistema Publico de Abastecimento e Distribuição de Água aos Municípios de Carregal do Sal, Mortágua, Santa Comba Dão, Tábua e Tondela.
A qualidade da água fornecida aos seus utilizadores é uma preocupação constante da ÁGUAS DO PLANALTO.
A ÁGUAS DO PLANALTO tem vindo a apostar e intervir no desenvolvimento de novos processos de tratamento e desinfecção de água, realizando ao longo de todo o seu processo milhares de análises para monitorizar a evolução da qualidade da água.

Com a entrada em vigor, em 2007, do Decreto-Lei nº 306/2007, de 27 de agosto, a ÁGUAS DO PLANALTO, passou a reportar os resultados de monitorização da qualidade da água distribuída em função dos novos requisitos de qualidade.
A nova legislação, mais exigente e complexa, tem como premissa avaliar a qualidade da água na torneira do consumidor. Deste modo, ao longo do ano, a ÁGUAS DO PLANALTO, de acordo com o Plano de Amostragem previamente aprovado pela Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR), irá realizar análises junto da torneira do consumidor, de forma a obter uma imagem representativa da qualidade da água distribuída em todo a zona abrangida.
Com o objectivo de garantir e assegurar a qualidade da água dos Concelhos de Carregal do Sal, Santa Comba Dão, Mortágua, Tábua e Tondela, a ÁGUAS DO PLANALTO trabalha continuamente, em colaboração com a entidade reguladora - ERSAR e outras entidades ligadas ao sector nomeadamente as Autoridades de Saúde e Câmaras Municipais.
Link: Águas do Planalto

Águas Residuais
A Monitorização Ambiental efectuada pelo Município de Tábua aos efluentes depurados à saída das Estações de Tratamento de Águas Residuais do Concelho é realizada ao abrigo de Licenças de Utilização de Recursos Hídricos – Rejeição de Águas Residuais, emitidas pela APA|ARH CENTRO, ao abrigo do Decreto-Lei n.º 226-A/2007, de 31 de Maio.
O Município de Tábua deverá garantir o cumprimento dos valores limite de emissão (VLE) fixados na Licença de Utilização de Recursos Hídricos – Rejeição de Águas Residuais, através de um Programa de Autocontrolo.
O resultado dos Programas de Autocontrolo (boletins analíticos) é reportado periodicamente à Entidade Licenciadora.

Resíduos sólidos Urbanos – Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão
O Município de Tábua juntamente com mais 18 Municípios faz parte da Associação de Municípios da Região do Planalto Beirão (AMRPB). Esta Associação criou um sistema integrado de gestão de resíduos sólidos urbanos, que permite encontrar soluções de valorização e tratamento dos mesmos, com vista à proteção do meio Ambiente e à preservação da beleza da região.
A Monitorização Ambiental efectuada pela AMRPB é realizada ao abrigo de uma Licença Ambiental (LA) emitida no âmbito do Decreto-Lei n.º 127/2017, de 30 de agosto e Declaração de Retificação n.º 45-A/2013, de 29 de outubro, relativo ao regime de emissões industriais aplicável à Prevenção e Controlo Integrado da Poluição (REI), para o Centro Integrado de Tratamento de Resíduos Sólidos Urbanos do Planalto Beirão.
As atividades sujeitas ao REI realizadas na instalação devem ser exploradas e mantidas de acordo com as condições estabelecidas na LA.
A AMRPB deverá garantir o cumprimento dos valores limite de emissão (VLE) fixados na LA, cujo grau de exigência mínimo permitido consta das disposições legais e regulamentares ambientais em vigor.